Pular para o menu

Vazamento grave em tanque da Rlam (BA) expõe trabalhadores a alta concentração de benzeno

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

No início da manhã desta sexta-feira (04/11), a operação da unidade de Transferência e Estocagem da Rlams, na Bahia, identificou o adernamento do teto do tanque F-4650 C, que armazena N-HEXANO, produto altamente volátil e cancerígeno, que na sua composição contém benzeno.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:
Divulgar conteúdo