Pular para o menu

Petrobrás amplia cobertura do Fundo Garantidor para trabalhadores terceirizados

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Avanço
Chamada: 
Pressão da FUP e Sindicatos em reunião da Comissão de Terceirização foi decisiva

Uma das principais conquistas da FUP no Acordo Coletivo de Trabalho, o Fundo Garantidor (Cláusula 179) foi implementado pela Petrobrás desde o dia 17 de março para contratos de prestação de serviço acima de R$ 5 milhões.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

Justiça concede Alvará Coletivo para liberação de pagamentos em atraso

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
EMPERCOM
Chamada: 
Decisão, anunciada no dia 20, ainda aguarda trâmites burocráticos para que seja cumprida

A Justiça do Trabalho, em Mossoró, concedeu alvará coletivo autorizando o pagamento dos salários atrasados dos trabalhadores Empercom. Anunciada em audiência realizada na última quarta-feira, 20 de maio, a decisão ainda aguarda os trâmites burocráticos para que seja cumprida. É preciso que a Terceirizada envie um documento único para o Banco com os dados dos funcionários para proceder à liberação do saque.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
SINDIPETRO-RN
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Greve dos trabalhadores da Empercom entra na segunda semana

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
Bahia
Chamada: 
Os 350 trabalhadores da empresa no Estado que só retornam ao trabalho com as reivindicações atendidas
A direção do Sindipetro Bahia paralisou na segunda pela manhã (28) a base de Taquipe, com todos os trabalhadores - próprios e terceirizados - durante todo o dia e deflagrou greve por tempo indeterminado na Empercom, terceirizada que deixou de pagar os salários, tíquete alimentação e plano de saúde desde março, com o beneplácito da Petrobrás.
 
A atividade teve boa repercussão e aceitação pelos trabalhadores e foi um momento onde a direção do Sindipetro colocou a posição do sindi
Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
SINDIPETRO-BA
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Trabalhadores da Empercom permanecem mobilizados, enquanto aguardam liquidação de dívidas

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
Calote
Chamada: 
Sem respeitar direitos, empresa ainda pede ilegalidade da greve e multa diária para o Sindicato

A Petrobrás deve disponibilizar, nos próximos dias, recursos para pagamento dos salários em atraso dos trabalhadores da Empercom. A Companhia concluiu parte das medições do último mês de abril e a Terceirizada deu início à emissão da nota fiscal. Segundo informações, apenas nos contratos da CPT, Elevação e do SOP-OM, a quantia pode chegar a R$ 2 milhões, brutos, saldo suficiente para quitar os salários do mês de março.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Trabalhadores e trabalhadoras da Empercom realizam nova assembleia nesta quarta, 30

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
CALOTE
Chamada: 
Em pauta, greve e ação judicial pedindo rescisão indireta do contrato de trabalho

A Diretoria Colegiada do SINDIPETRO-RN está convocando todos os trabalhadores e trabalhadoras da Empercom, em Mossoró, para comparecerem às assembleias nas respectivas bases e na subsede do Sindicato, na cidade, nesta quarta-feira, 30 de abril. O objetivo é avaliar a situação trabalhista em que a categoria se encontra e deliberar sobre três propostas.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Contra calote, trabalhadores terceirizados em greve fecham Base 34

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
Direitos trabalhistas
Chamada: 
Movimento é por tempo indeterminado e afeta serviços de sondagem e operação de produção de petróleo

Trabalhadores terceirizados de diversas empresas que prestam serviços à Petrobrás em Mossoró realizaram um protesto na manhã desta quinta-feira, 10, e fecharam o acesso às instalações da sede administrativa da Companhia. Eles reivindicam salários atrasados, cumprimento de diretos trabalhistas e mais investimentos da Petrobrás em exploração e produção na região.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Situação de trabalhadores da ETX será tratada em reunião de conciliação na próxima quarta-feira, 4

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
Calote
Chamada: 
Em pauta, pagamento de salários e encargos atrasados e criação de um fundo

Deliberar sobre o pagamento dos salários e demais encargos em atraso e sobre a abertura de uma conta judicial para captação de fundos que possam colaborar com o pagamento das rescisões indiretas de trabalhadores da ETX. Estes são os objetivos da reunião de conciliação agendada pela Justiça do Trabalho de Mossoró para a próxima quarta-feira, 4.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Deivson Mendes
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Petição judicial libera pagamento de parte dos salários em atraso dos trabalhadores da ETX

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
Calote
Chamada: 
Assembleia nesta quinta-feira, 21, analisará nova proposta e poderá suspender greve

A Petrobrás será a responsável pela folha de pagamento do mês de outubro, além dos encargos de INSS e FGTS dos trabalhadores da ETX.  A empresa já foi notificada e tem até o final da semana para repassar os dados bancários dos funcionários à Petrobrás. A decisão foi tomada em audiência pública realizada na última quinta-feira, 14, no Ministério Público, em Mossoró.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Deivson Mendes
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Trabalhadores da ETX no Rio Grande do Norte chegam ao 12º dia de greve

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
Contra o calote!
Chamada: 
Paralisação atinge seis das nove sondas que a empresa mantém no RN e cerca de 200 trabalhadores

Nesta terça-feira, 22, trabalhadores da ETX no Rio Grande do Norte entraram no 12º dia de greve. O movimento ocorre em virtude do descumprimento, por parte da Empresa, de um acordo emergencial acertado com os trabalhadores, que levou à suspensão da última paralisação, encerrada em 17 de agosto. Atualmente, cerca de duzentos funcionários estão de braços cruzados, levando à paralisação de seis das nove sondas que a terceirizada mantém no Estado.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Deivson Mendes
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

SINDIPETRO-RN combate mais um calote de empresas terceirizadas

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
WORKTIME
Chamada: 
Empresa, que presta serviços de Gerência de Serviços Gerais, não pagou salários e benefícios de fevereiro

O SINDIPETRO-RN realizou dois protestos contra a Petrobrás e a Worktime, nas últimas quarta e quinta-feira, 21 e 22 de março, nas instalações da companhia no S-7 e em Alto do Rodrigues, respectivamente. A terceirizada, que presta serviços de Gerência de Serviços Gerais, não pagou os salários de fevereiro, horas extras, férias (gozadas sem pagamento), cartão alimentação (sem crédito), nem o plano de saúde (cancelado devido a não pagamento).

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:
Divulgar conteúdo