Pular para o menu

Centrais Sindicais

Nova Greve Geral já tem data: 30 de junho

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

As centrais sindicais se reuniram mais uma vez e indicaram o dia 30 de junho como a data da próxima Greve Geral. Agora, os sindicatos levam o indicativo para ser referendado por suas categorias em plenárias e assembleias estaduais. 

Na categoria petroleira, a preparação começa imediatamente, e já terá uma prévia com a população no próximo dia 20. Nesse dia a FUP recomenda que sejam feitas panfletagem e ou diálogo nos postos de trabalho, com atos durante a tarde e diálogo com a população, em todos os estados.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off

Centrais Sindicais vão unir forças para Greve Geral no dia 30 de junho

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Mossoró
Chamada: 
Assunto foi debatido em plenária na manhã desta quarta-feira, 7, na subsede do SINDIPETRO-RN

Representantes das principais centrais sindicais brasileiras estiveram reunidos na manhã desta quarta-feira, 7, em Mossoró, para traçar uma agenda unitária de lutas em preparação à greve geral de 30 de junho. O encontro foi realizado na subsede do SINDIPETRO-RN e o movimento tem por objetivos barrar as reformas trabalhista e previdenciária intentadas pelo governo golpista chefiado por Michel Temer.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Deivson Mendes
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário

Centrais sindicais preparam nova greve geral para o fim de junho

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Em reunião realizada nesta segunda-feira, 29, na sede nacional da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil – CTB, em São Paulo, representantes de nove centrais sindicais (CTB, CUT, UGT, Nova Central, Força Sindical, Intersindical, CGTB, CSB, CSP-Conlutas) fizeram um balanço positivo do movimento #OcupeBrasília e apontaram para a possibilidade de realização de uma nova greve geral, no fim do mês de junho.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
CTB
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off

Centrais sindicais se reúnem em São Paulo e aprovam agenda de lutas

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
#OcupaBrasília
Chamada: 
Agenda terá atos em Brasília e no país além de grande marcha ao Congresso Nacional

O Fórum das Centrais Sindicais se reuniu nesta quinta-feira (4), na sede da CUT, em São Paulo, para realizar um balanço da greve geral, no dia 28 de abril, e dos atos do 1º de maio, na última segunda-feira. Além disso, o encontro irá aprovar uma nova agenda de manifestações.

#OcupaBrasília: Mobilizar a classe trabalhadora e barrar os ataques aos direitos

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
CTB
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off

Trabalhadores organizam manifestações e preparam Greve Geral

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Unir forças com a população para barrar o andamento das reformas trabalhista e previdenciária impostas pelo governo ilegítimo de Temer. Esse é o objetivo da atividade, que acontece na próxima sexta-feira, 31, e que o SINDIPETRO-RN faz chamamento da categoria petroleira do Rio Grande do Norte. Vamos fortalecer a luta junto às centrais, sindicatos e sociedade civil organizada no Dia Nacional de Mobilização, rumo à Greve Geral, que está prevista para acontecer no dia 28 de abril.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off

Centrais sindicais convocam Dia Nacional de Lutas contra Reforma da Previdência

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Em reunião realizada nesta segunda-feira (13), em São Paulo, as principais centrais sindicais, em conjunto com as Frentes Brasil Popular e Povo sem Medo convocaram para 15 de março o Dia Nacional de Lutas com Greves e Paralisações contra a "Reforma" da Previdência Social Pública.

Imagem para destaque: 
destaque
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off

Centrais sindicais articulam Dia Nacional de Paralisação na 2ª quinzena de março

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Preparação
Chamada: 
Calendário de mobilizações e debates visa derrotar as contrarreformas previdenciária e trabalhista

Com o objetivo de barrar a aprovação das contrarreformas previdenciária e trabalhista, articuladas pelo governo golpista chefiado por Michel Temer, dirigentes das principais centrais sindicais brasileiras aprovaram um calendário de mobilizações unitárias que deverá culminar com a realização de um Dia Nacional de Paralisação, previsto para a segunda quinzena do mês de março.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário

Centrais sindicais convocam para Dia Nacional de Paralisação

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
Março
Chamada: 
Calendário unificado de mobilizações visa impedir as reformas da Previdência e Trabalhista

Em reunião na sede do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), em São Paulo, na manhã desta sexta-feira 20, dirigentes das principais centrais sindicais brasileiras definiram um calendário de ações contra as reformas da Previdência e trabalhista.

Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário

Centrais preparam-se para se contrapor às reformas de Temer

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Unidade de Ação
Chamada: 
Para organizar a mobilização nova reunião foi agendada para 20 de janeiro

Reunidos nesta quarta-feira, 11, na sede do Departamento de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), em São Paulo, representantes de seis centrais sindicais debateram as propostas de reforma da Previdência Social e a Trabalhista. Para organizar a mobilização das entidades em defesa dos direitos dos trabalhadores, nova reunião foi agendada para 20 de janeiro.

Por Railídia Carvalho, no Portal Vermelho

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
CTB
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário

Centrais sindicais lançam manifesto em defesa da Justiça do Trabalho

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

É sintomático que neste momento de frequentes ataques aos direitos sociais e trabalhistas, as instituições de defesa dos trabalhadores também sejam vítimas de corte de verbas e outras medidas que visam enfraquecê-las. É o que vem ocorrendo sob o pretexto – declarado publicamente pelo ministro Gilmar Mendes, do STF – de que o Poder Judiciário concede “direitos em demasia aos trabalhadores brasileiros”.

Imagem para destaque: 
destaque
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Divulgar conteúdo