Pular para o menu

economia

Engenharia unida reage à destruição em curso da economia brasileira

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

O Clube de Engenharia, ao longo dos seus 136 anos, contribuiu permanentemente para o desenvolvimento do município do Rio de Janeiro, do Estado e do País. No Império, no Distrito Federal, como capital da Guanabara e capital do Estado do Rio, a ação do Clube de Engenharia foi, é, e será a de formulador de propostas de desenvolvimento econômico, político e social.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Segundo IBGE, PIB brasileiro teve retração de 3,8% em 2015

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
PIB em queda
Chamada: 
Segundo economista, pelo menos 70% da crise econômica é decorrente dos problemas na política

O IBGE divulgou que o PIB brasileiro teve retração de 3,8% em 2015, pior resultado desde o recuo de 4,3% em 1990. Para o economista Guilherme Delgado não há como dissociar a atual situação da economia brasileira da crise política interna. 
Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Portal Vermelho
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário

Compartilhar:

Carta Capital: Por que o lucro pequeno da Petrobras engana?

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Economia
Chamada: 
Matéria informa que "resultado operacional do segundo trimestre é até melhor que o de 2014".

Decidimos reproduzir matéria publicada em Carta Capital por transcrever uma análise que consideramos correta sobre os resultados obtidos pela Petrobrás no segundo trimestre de 2015. No entanto, discordamos da opinião, também presente nesta matéria, com relação à solução para os problemas atualmente vivenciados pela Petrobras.

 

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

Produção de petróleo cresce 13,9% em comparação com março/14

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Economia
Chamada: 
Volume produzido no país chega a aproximadamente três milhões de barris diários

A produção de óleo equivalente (petróleo e gás natural) nos campos brasileiros atingiu, em março deste ano, aproximadamente três milhões de barris diários. Na comparação com março de 2014, a geração de petróleo cresceu 13,9%. Comparada à de fevereiro deste ano, a produção de óleo fechou em queda de 0,7%. A de gás natural subiu 14,6% em relação a março de 2014 e 0,3% na comparação com fevereiro.

Imagem para destaque: 
destaque
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

Setembro registra crescimento no emprego formal

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
BRASIL
Chamada: 
Ministério do Trabalho aponta que foram gerados em setembro 123.785 empregos celetistas

Dados do Cadastro-Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados na semana passada pelo Ministério do Trabalho e Emprego demonstram que foram gerados em setembro 123.785 empregos celetistas, um crescimento de 0,30% em relação ao estoque do mês anterior. O mês teve o segundo melhor desempenho de admissões da série histórica do Caged, com destaque para a reação do setor industrial que gerou no mês 24.837, ante os saldos negativos que vinha apresentando nos meses anteriores.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

Petrobras tem novo recorde de produção de petróleo em setembro

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
2,23 milhões de barris
Chamada: 
Resultado foi motivado, principalmente, pelo aumento da produção das plataformas P-55 e P-62

A Petrobras obteve mais um recorde de produção de petróleo no Brasil, no mês de setembro. Segundo a empresa, foi produzida uma média de 2,23 milhões de barris de óleo no país, em setembro, incluindo os campos operados pela estatal para seus parceiros. O volume é 0,3% maior do que o de agosto, que já havia sido recorde.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

Petrobras volta a ser empresa com maior valor de mercado

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
América Latina
Chamada: 
Com US$ 116,3 bi, Companhia ultrapassa a antiga líder do ranking, a cervejaria Ambev

Petrobras voltou a ser a empresa com maior valor de mercado da América Latina em outubro, de acordo com um levantamento da consultoria Economatica divulgado nesta terça-feira (14).

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

Valor da cesta básica cai na maioria das capitais em setembro

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
ECONOMIA
Chamada: 
Entre as quedas, as principais são de Campo Grande (-5,37%), BH (-2,79%) e Natal (-2,18%)

O valor da cesta básica calculado pelo Dieese caiu no mês passado em 11 das 18 capitais pesquisadas, com destaque para Recife (-1,99%), São Paulo (-1,39%), Natal (-1,18%), Campo Grande (-1,13%) e Salvador (-1,02%). As principais altas foram apuradas em Goiânia (1,36%), Aracaju (1,15%) e Brasília (1,10%), enquanto em Belo Horizonte praticamente não houve variação (0,01%). O instituto chama a atenção para a elevação do preço da carne, "em pleno período de entressafra", em todas as cidades.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
CTB
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

Taxa de desemprego fica em 5% e é a menor para o mês desde 2002

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
Em agosto
Chamada: 
O número de trabalhadores com carteira assinada, equivalente a 11,8 milhões, ficou estável
Vitor Abdala - Repórter da Agência Brasil Edição: Denise Griesinger

A taxa de desemprego em agosto deste ano ficou em 5%, segundo a Pesquisa Mensal de Emprego (PME), anunciada hoje (25) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

Nobel de Economia lança alerta sobre Banco Central Independente

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
Opinião
Chamada: 
Stiglitz também explicou que países com BCs mais independentes tiveram dificuldades na crise

O debate econômico do momento nas eleições presidenciais brasileiras ganhou nesta quinta-feira 11 uma opinião de peso. Em palestra na sede do Banco Central da Índia, o economista americano Joseph Stiglitz – agraciado com Prêmio Nobel de Economia, em 2001, e economista-chefe do Banco Mundial, entre 1997 e 2000, afirmou que a discussão sobre a independência dos bancos centrais é superestimada:

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:
Divulgar conteúdo