Pular para o menu

Sindicatos do Pará querem criar rede de comunicação e debater marco regulatório

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Membros de 14 sindicatos do Pará, organizados pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) pretendem estruturar, até maio, o projeto de uma rede de comunicação, que poderá contar com uma revista, um site e uma emissora de TV. O objetivo é criar uma fonte de informação alternativa à grande imprensa e debater democratização da comunicação no estado.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Movimento da Cabanagem do Pará completa 178 anos

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

A Cabanagem ocorreu durante o período regêncial no Brasil. O Período regencial brasileiro (1831 — 1840) foi o intervalo político entre os mandatos imperiais da Família Imperial Brasileira, pois quando o Imperador Pedro I abdicou de seu trono, o herdeiro D. Pedro II não tinha idade suficiente para assumir o cargo. Devido à natureza do período e das revoltas e problemas internos, o período regencial foi um dos momentos mais conturbados do Império Brasileiro.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Polícia do Pará já tem suspeitos da morte de trabalhador rural

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

A Polícia Civil do Pará já tem suspeitos da morte do trabalhador rural Obede Loyla Souza. O crime ocorreu na última quinta-feira (9) no Acampamento Esperança, no município de Pacajá. Por motivo de segurança, detalhes da investigação não estão sendo divulgados, mas várias testemunhas já foram ouvidas.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Mais um trabalhador morto no Pará; Força Nacional chega tarde

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Na última quinta-feira (9), por volta do meio-dia, foi assassinado no Acampamento Esperança, município de Pacajá, Pará, o trabalhador rural Obede Loyla Souza, 31 anos, casado, pai de três filhos, todos menores. Obede foi executado com um tiro de espingarda no ouvido, a 500 metros de sua casa. Seu corpo foi encontrado somente no sábado (11), por volta das 14 horas e levado para a cidade de Tucuruí, onde foi registrado o Boletim de Ocorrência Policial.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Execução de casal de extrativistas provoca protesto no Pará

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

Um protesto que reuniu mais de 5 mil pessoas marcou nesta quinta-feira (26) o enterro dos extrativistas José Cláudio Ribeiro da Silva e Maria do Espírito Santo, em Marabá, no Pará. O casal foi executado a tiros na última terça-feira (24), no sudeste do estado.

Às 5h, militantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e de outras entidades ligadas à luta na área rural bloquearam uma ponte sobre o Rio Itacaiúnas e uma ferrovia próximo à cidade de Marabá, onde o casal foi sepultado.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:
Divulgar conteúdo