Pular para o menu

trabalhador

SINDIPETRO-RN lamenta morte de trabalhador em Alto do Rodrigues

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Nota de Falecimento
Chamada: 
Vítima atuava como ajudante em empresa prestadora de serviços da Petrobrás

Consternada, a Diretoria do SINDIPETRO-RN lamenta a morte do trabalhador da TRANSBET, Luciano André de Seixas Silva. Ao mesmo tempo, solidarizamo-nos com familiares e amigos, desejando força e serenidade para o enfrentamento da situação.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Trabalhador morre em acidente em plataforma na Bacia de Campos

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Luto
Chamada: 
Funcionário da empresa RIP Kaeter realizava manutenção em um guindaste

Passadas quase 24 horas da morte de Sandro Ferreira da Silva, 43 anos, que prestava serviços para a Petrobrás na plataforma PNA-2, na Bacia de Campos, o corpo do trabalhador ainda continuava a bordo da unidade no início da tarde desta segunda-feira (26).

Funcionário da empresa RIP Kaeter, o petroleiro realizava manutenção em um guindaste e, de acordo com as informações iniciais, teria sido esmagado pelo equipamento.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Sindipetro-NF
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

Acidente na PetroRecôncavo (BA) mata trabalhador

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Precarização
Chamada: 
Terceirizações e privatizações tem aumentado riscos de acidentes

A precarização das condições de trabalho, fruto das terceirizações e privatizações tem aumentado os riscos de acidentes.

Na madrugada desta segunda, 27 de agosto, Lucian Nobre Santos, 28 anos e torrista da empresa PetroRecôncavo (onde trabalhava há mais de cinco anos) foi vítima de um acidente fatal, quando realizava a atividade de intervenção de limpeza em poço terrestre na sonda PR-02.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

CTB: Uma reforma que assalta direitos e fere de morte a nação

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

A aprovação do PLC 38, nesta terça-feira (11), que rasga a CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas) e acaba com conquistas históricas da classe trabalhadora, não ataca somente direitos, ela assalta e fere de morte a nação.

A Reforma Trabalhista aprovada ataca frontalmente nosso povo e mina qualquer projeto de retomada do crescimento que tenha por centro a geração de emprego, o respeito à saúde da classe trabalhadora, a distribuição de renda e o combate à pobreza no Brasil.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
Publicar no destaque principal
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Dieese destrincha a reforma trabalhista e afirma que será um desastre para o trabalhador

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

O Projeto de Lei (PL) 6.787 proposto pelo ilegítimo Michel Temer (PMDB) é sonho antigo dos empresários que financiaram o golpe. Ao derrubar as principais diretrizes que garantem condições mínimas de trabalho, o texto permite ampliar o lucro com base na ampliação da exploração do trabalhador.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Reunião define detalhes do ato nacional unificado do 1º de Maio

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Dia do Trabalhador
Chamada: 
“Estamos em ano eleitoral, é importante que a voz das ruas seja ouvida por todos aqueles que concorrerão"

Representantes da CTB, da CUT e da CSB se reuniram nesta segunda-feira (10), em São Paulo, para dar continuidade aos preparativos para as atividades do 1º de Maio Unificado de 2014.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

SINDIPETRO-RN participa de protesto contra Vicunha Têxtil por demissão de trabalhador

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
Ato de Repúdio
Chamada: 
Movimento sindical é convocado pela CTB/RN para se solidarizar ao companheiro da categoria têxtil

Convidado pela direção da CTB/RN, o SINDIPETRO-RN participa na próxima sexta-feira, dia 21 de fevereiro, às 13 horas, de um ato em protesto à VICUNHA TÊXTIL (estrada de Extremoz), contra a demissão do trabalhador José Alberto, candidato à presidente pela Chapa – 02 nas eleições do SINDTÊXTIL/RN. Também estão solidários à causa os companheiros e companheiras da FORÇA SINDICAL, CNTI, FECEB, NOVA CENTRAL, FTI/RN, SINDSEGUR, CGTB, UGT, CONLUTAS, também de amigos e companheiros da categoria têxtil.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Manutenção de veto à extinção de multa sobre o FGTS é vitória do trabalhador

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora

O Congresso Nacional manteve, nesta terça-feira (17), o veto da presidenta Dilma Rousseff, sobre o Projeto de Lei Complementar (PLC) 200/2012, que extinguia a incidência da multa de 10% sobre o FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) nos casos de demissões imotivadas. A sessão, que apreciou inúmeros vetos presidenciais, terminou às 22h30 e o veto envolvendo o PLC 200 foi mantido por 455 deputados e 71 senadores.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:

Trabalhador cobra indenização por horas-extras e assédio moral

Publicar no Na Hora: 
off
Chapéu: 
Audiência
Chamada: 
Processo tramita na Segunda Vara do Trabalho de Mossoró e é acompanhado pelo Sindicato

Seguiu para a etapa de coleta de depoimentos o processo de um trabalhador que pleiteia na Justiça a reintegração à função de Técnico de Operações, além de indenização da Petrobrás por assédio moral e pelo não pagamento de horas-extras. O prosseguimento da Audiência aconteceu na última terça-feira (3), no TRT, em Mossoró.

Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
Publicar no destaque secundário
Compartilhar:

Hora de mudar

Publicar no Na Hora: 
Publicar no Na Hora
Chapéu: 
PLR

É incrível, mas é verdade! Na Petrobrás, uma das maiores companhias do mundo, a participação dos trabalhadores e trabalhadoras nos lucros da atividade desenvolvida ainda não foi regulamentada. Todos os anos, a fixação do valor da vantagem demanda uma desgastante queda-de-braço que envolve a força de trabalho, representada pelos Sindicatos, e o Conselho de Administração, que expressa os interesses dos acionistas. A inexistência de regras claras para o pagamento da PLR – obviamente – favorece o capital.

Imagem para destaque: 
destaque
Crédito da imagem: 
Arquivo
Publicar no destaque principal: 
off
Publicar no destaque secundário: 
off
Compartilhar:
Divulgar conteúdo