Pular para o menu
1387309155
Empercom

Base 34 e Sonda 86 rejeitam cronograma apresentado

Decisão foi tomada em assembleia realizada nesta terça-feira, 16 de dezembro, em Mossoró

17 de dezembro de 2013 às 16:39

destaque

Foto: Deivson Mendes

Os trabalhadores e trabalhadoras da Empercom, com lotação na Base-34, em Mossoró, e da sonda 86, rejeitaram, por unanimidade, o cronograma proposto pela Empresa para pagamento das verbas remuneratórias atrasadas. A decisão foi tomada em assembleia realizada nesta terça-feira, 16. Conforme o documento, 30% do valor seria pago no próximo dia 20 de dezembro e, os 70% restantes, em 20 de janeiro de 2014, o que foi considerado inviável.

De acordo com o diretor do SINDIPETRO-RN, Pedro Idalino, a proposta é encarada como uma “carta de intenção”, partindo do pressuposto que não apresenta dados específicos. Para a categoria, as cláusulas foram apresentadas de maneira vaga e, por isso, não garantem a liquidação dos valores pendentes, que incluem férias, tíquete-alimentação e reajuste do auxílio-combustível.


Os trabalhadores reivindicam, ainda, o cumprimento de promessas como o regramento da semana espanhola e o pagamento de rescisões aos demitidos. Somem-se a isto os descontos irregulares que vêm sendo executados pela Empresa referentes ao Plano de Saúde. 

As assembleias deliberativas acontecem até 19 de dezembro. Os próximos postos de trabalho visitados serão: Riacho da Forquilha, Fazenda Belém, Lorena e as sondas instaladas no município de Alto do Rodrigues. Caso a proposta seja rejeitada em todas as áreas, será votado um indicativo de greve com início previsto para o próximo dia 23.

 

Compartilhar: