Pular para o menu
1512581530

Centrais sindicais se reúnem nesta sexta-feira, 8, após rodada de protestos contra desmonte da Previdência

06 de dezembro de 2017 às 14:32

destaque

Foto: Gilson Sá

Na próxima sexta-feira, 8, representantes das principais centrais sindicais brasileiras reúnem-se na sede da CUT, em São Paulo, para avaliar o resultado das manifestações realizadas na última terça-feira, 5, em todo país. O encontro também deverá decidir os próximos passos do movimento contra o desmonte da Previdência Social.

No Rio Grande do Norte, petroleiros e petroleiras da Petrobrás e de empresas privadas atenderam ao chamamento do SINDIPETRO-RN e protestaram contra a proposta de reforma da Previdência que tramita no Congresso Nacional. Na manhã de ontem, a categoria promoveu um “trancaço” na entrada do S-7, impedindo o acesso à base do Ativo de Produção de Alto do Rodrigues.

No período da tarde, em Natal, sob orientação da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil – CTB, dirigentes sindicais petroleiros juntaram-se a centenas de manifestantes de outras categorias profissionais e promoveram um ato conjunto com outras entidades e movimentos, em frente ao prédio do INSS.

Em todo o país, de acordo com balanço divulgado pela CTB, pelo menos 15 estados com seções regionais da central realizaram atividades contra o desmonte da Previdência Social.

Com informações da CTB