Pular para o menu
1461942558
Sindicalismo

Contra o golpe, por mais democracia, mais direitos e combate à corrupção!

Sindicato vai mobilizar a categoria contra ameaça de golpe e projetos que ferem direitos trabalhistas

29 de abril de 2016 às 12:09

destaque

Foto: Gilson Sá

Intensificar a mobilização da categoria petroleira norte-rio-grandense, fortalecendo a luta geral do povo brasileiro contra o golpe, por mais democracia, mais direitos e combate à corrupção. Esta foi a principal deliberação da reunião da Diretoria Colegiada do SINDIPETRO-RN, realizada na manhã desta sexta-feira, 29, em Natal.

Partindo da análise da conjuntura, onde se destaca a gravidade da situação política, os diretores defendem que as lutas específicas da categoria se subordinem às exigências da batalha mais ampla, em defesa do Estado Democrático de Direito. Isto, porque, caso seja empossada, a dupla golpista Temer-Cunha deverá empreender um retrocesso neoliberal sem precedentes.

No documento denominado “Ponte para o Futuro”, de autoria do grupo peemedebista ligado ao vice-presidente, Michel Temer, estão contidas propostas que, supostamente, deveriam levar o país a superar os reflexos da crise. No entanto, numa leitura mais detida, o que se vê é um amontoado de ideias retrógradas, que visam despejar o ônus da crise sobre os ombros dos trabalhadores.

Também chamado de “Túnel para o Passado”, o programa de Michel Temer prevê privatização do patrimônio público, desnacionalização da economia, eliminação das obrigações constitucionais com Saúde e Educação, elevação da idade mínima para aposentadoria, fim da atual política de reajuste do salário mínimo, entre outros ataques.

Além disso, segundo levantamento realizado pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar – DIAP, encontram-se tramitando no Congresso Nacional cerca de 55 projetos de lei que ameaçam a soberania nacional e diversos direitos trabalhistas.

Como a quase totalidade dessas iniciativas legislativas é proposta por parlamentares comprometidos com um golpe contra a Democracia, pode-se prever o desastre social, em um futuro governo Temer-Cunha.

Agenda – Com os grandes meios de comunicação comprometidos com a disseminação da narrativa golpista, a Diretoria Colegiada do SINDIPETRO-RN entende que a luta popular de resistência, visando esclarecer e mobilizar a população, deve acontecer principalmente nos auditórios, praças e ruas. Por isso, apela aos petroleiros e petroleiras para que fortaleçam a agenda da Frente Brasil Popular, divulgando e comparecendo às atividades políticas e culturais já programadas.

Veja, a seguir, as agendas para os próximos dias, em Natal e Mossoró, até o 1º de maio (Dia Internacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras).

AGENDA DE ATIVIDADES DA FRENTE BRASIL POPULAR EM NATAL E MOSSORÓ

(Até o domingo – 1º de maio)

DIA

HORA

ATIVIDADE

LOCAL

29/04 (Sexta-feira)

17h30

Mulheres abraçam Dilma e a Democracia

Mossoró (Memorial da Resistência)

29/04 (Sexta-feira)

18h00

Encontro de gente diferente, escrachada e de rua

Natal (Esquina do Midway)

30/04 (Sábado)

17h30

Roda de Conversa

Mossoró (Praça da Igreja de Nossa Senhora de Fátima)

1º/05 (Domingo)

9h00

Dia Internacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras

Natal (Praça das Flores / Petrópolis)

1º/05 (Domingo)

7h00

Dia Internacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras

Mossoró (Praça do bairro Nova Vida)

 

 

 

 

Compartilhar: