Pular para o menu
1365512893

Crise no petróleo faz rede hoteleira enfrentar esvaziamento

09 de abril de 2013 às 10:08

*Publicado em 21/03/13. na Edição 2130 - Ano VII

É de 50% a queda na taxa de ocupação da rede hoteleira de Mossoró com o início da crise do petróleo. Assim como esta coluna previa, o fim de muitos empregos nesta área já chega a alguns setores da economia. O primeiro deles é a rede hoteleira porque tem grande taxa de ocupação dos trabalhadores que vêm de vários lugares do país para produzir por aqui. O empresário João Sabino, dono da rede Sabino de hotéis, disse a um jornal local que a queda de 50% deve chegar a outros setores da economia dentro em breve. Ele acredita que o comércio é a próxima vítima já que está terminando o período de recebimento do seguro-desemprego por por parte de centenas de trabalhadores. Não há, até aqui, um número oficial de demissões. Nem o Sindipetro tem esse número, porém ouvindo de gente do setor, a coluna arrisca dizer que já se foram mais de 10 mil empregos e a tendência é que muito mais se acabem. Os que ainda permanecem são mínimos e tem grandes empresas já se preparando para levar consigo toda sua estrutura e parque da equipe.

Correio da Tarde

Compartilhar: