Pular para o menu
1450273964
Setor Privado

Elfe vai reembolsar desconto indevido até fevereiro de 2016

Pagamento será feito em três parcelas fixas a partir da folha de dezembro

16 de dezembro de 2015 às 10:52

destaque

Foto: Deivson Mendes

O desconto indevido, debitado como auxílio transporte nos contracheques dos trabalhadores da Elfe durante os últimos seis meses, será reembolsado até fevereiro de 2016. A decisão foi tomada após reunião realizada na última terça-feira, 15, na subsede do SINDIPETRO-RN, em Mossoró. O encontro teve a participação do assessor sindical, Aldeirton Pereira, do Gerente de RH da ELFE, Marcos Borges, e da analista administrativa de Pessoal, Wilvanir da Silva Sobral.

De acordo com Borges, o pagamento será efetuado em três parcelas fixas, com início na folha de pagamento de dezembro de 2015, estendendo-se até a folha de fevereiro de 2016. “O valor será pago junto com o salário, até o 5º dia útil de cada mês”, explicou o gerente.

O SINDIPETRO-RN acompanhará todo o processo de devolução dos valores, resguardando o que foi acordado entre o Sindicato e a empresa. Os trabalhadores que foram demitidos após o mês de maio de 2015, também têm direito a receber a quantia descontada indevidamente. Quem tiver interesse no ressarcimento, deve procurar o setor de pessoal da empresa.

Plano de Cargos, Carreiras e Salários – Durante a reunião, a Gerência de RH da ELFE também informou que o Plano de Cargos, Carreiras e Salários – PCCS da empresa, em Mossoró, está em fase final de elaboração. Atualmente, a terceirizada só oferece esse tipo de benefício para trabalhadores que atuam na área administrativa.

Mossoró será a primeira cidade em que a empresa adotará um Plano voltado para a área de operação. O instrumento tem como objetivo disciplinar a carreira dos trabalhadores, valorizando, incentivando e permitindo a ascensão funcional por antiguidade, por avaliação de desempenho e pela formação contínua.

A perspectiva, segundo Marcos Borges, é de que o PCCS seja implantado até o final de janeiro de 2016. Uma nova rodada de negociação para os acertos finais foi agendada com a Diretoria do SINDIPETRO-RN para o dia 11 de janeiro.

Para o assessor do SINDIPETRO-RN, Aldeirton Pereira, a iniciativa da empresa mostra que as negociações realizadas desde 2013 estão surtindo efeitos positivos, no que se refere a ganhos e conquistas dos trabalhadores. “O empenho do Sindicato em lutar pelos direitos da categoria está alcançando resultados positivos na vida dos trabalhadores, e, por isso, vamos continuar fiscalizando e aprimorando cada conquista realizada”, afirmou o assessor.

ELFE - Com 16 anos de experiência no mercado de petróleo e gás, a ELFE possui três principais áreas de atuação: Operação e Manutenção, Construção e Montagem e Perfuração e Produção. A empresa conta hoje com 3.069 trabalhadores e trabalhadoras, sendo 618 só em Mossoró e região. A terceirizada atua em nove estados do país, está presente na manutenção de 56% das plataformas offshore e em 73% das refinarias em operação no Brasil. A ELFE também opera sondas offshore, além de realizar atividades de perfuração e workover de poço.

Compartilhar: