Pular para o menu
1394474433
SETOR PRIVADO

Empercom não regulariza salários e trabalhadores podem parar

Empresa havia se comprometido em quitar valores, conforme Termo assinado em janeiro

10 de março de 2014 às 15:00

Sem receber os salários referentes ao mês de fevereiro, trabalhadores da Empercom lotados na Base 34, em Mossoró, prometem realizar uma parada de advertência nesta terça-feira, 11, a partir da 7 horas. Segundo a categoria, os atrasos vêm se repetindo desde janeiro de 2014, afetando tanto as áreas administrativas quanto as operacionais. Descrentes na regularização da situação, os trabalhadores optaram pelo caminho da luta como forma de pressionar e assegurar o cumprimento de direitos.

Segundo o diretor para o Setor Privado e Terceirizado do SINDIPETRO - RN, Manoel Assunção, a situação tende a se agravar, pois até o momento a Empercom também não regularizou as pendências com o plano de saúde e o tíquete-alimentação. O diretor acredita que mesmo com a recente aprovação da proposta de ACT – 2013/2014 é importante que a categoria se mantenha alerta, pois “sabemos do histórico de promessas não cumpridas pela Empresa, e, por isso, é importante nos mantermos unidos, caso seja preciso parar”.

Manoel Assunção também assegura que, se o descaso persistir, serão acionadas medidas judiciais para resguardar os direitos do trabalhador

Compartilhar: