Pular para o menu
1298923606

Gadafi poderá ser julgado por crimes contra a humanidade

28 de fevereiro de 2011 às 17:06

A repressão do governo líbio às manifestações populares nas últimas semanas poderá ser levada ao Tribunal Penal Internacional (TPI), com sede em Haia. Além de impor sanções ao ditador líbio Muamar Gadafi, a resolução do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU), anunciada no último sábado, prevê a investigação de violação dos diretos humanos pelo regime líbio.

O Conselho solicitou ao TPI que averigue possíveis crimes de guerra e contra a humanidade pelas forças de segurança da Líbia. Inúmeros relatos dão conta da crescente violência no país, com ataques diretos à população e a morte de centenas de pessoas nas ruas. O TPI deverá avaliar o caso nos próximos dois meses.

Após a decisão do Conselho de Segurança da ONU, os Estados Unidos informaram que oferecerão “todo tipo de ajuda” à posição ao regime de Gadafi. Nesta segunda-feira, o presidente americano, Barack Obama, deve receber na Casa Branca o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, para tratar de novas sanções contra a Líbia.

Enquanto os rebeldes pressionam pela tomada de poder em Trípoli, os ministros de Relações Exteriores de diversos países devem se reunir hoje durante encontro do Conselho de Direitos Humanos da ONU, em Genebra, para discutir uma resposta conjunta a Gadafi.

Valor Online

Compartilhar: