Pular para o menu
1386607954
SETOR PRIVADO

Halliburton: campanha salarial caminha para o desfecho

Trabalhadores devem deliberar sobre contraproposta da Empresa próxima semana

09 de dezembro de 2013 às 13:52

destaque

Foto: Arquivo

A campanha salarial 2013-2014 dos trabalhadores da Halliburton entrou na reta-final. A assembleia para apreciação da contraproposta encaminhada pela empresa está agendada para a próxima semana, mas ainda não tem data exata, pois os trabalhadores seguem analisando o documento minuciosamente. Segundo o diretor para Assuntos do Setor Privado do Sindicato, Manoel Assunção, a tendência da base de Mossoró é de aceitação, embora a direção da entidade considere a proposta insuficiente.

No período de um ano, a retração da atividade produtiva no setor petróleo provocada pela diminuição dos investimentos da Petrobrás no Estado reduziu os postos de trabalho da Halliburton em cerca de 60%, enfraquecendo o poder de pressão da categoria. Muitos trabalhadores especulam, inclusive, sobre a permanência da empresa no Estado.

Os principais pontos da proposta apresentada são: elevação do piso salarial para R$ 1.243,00; reajuste salarial de 6,25% para os empregados com salário base situados entre o piso do ACT e R$ 7 mil; reajuste salarial de 5% para os empregados com salários superiores a R$ 7 mil; tíquete-alimentação de R$ 440,00; tíquete-refeição de R$ 28,00; e auxílio-creche de R$ 380,00; além da implantação de jornadas de trabalho em regime de escala de revezamento ou compensação.

 

Compartilhar: