Pular para o menu
1432827462
RIO GRANDE DO NORTE

Servidores da UFRN e da Ufersa param a partir desta quinta-feira, 28

Também estão agendadas paralisações no Instituto Técnico-Científico de Polícia e no Detran-RN

28 de maio de 2015 às 12:37

Servidores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte e da Universidade Federal Rural do Semiárido vão parar a partir de hoje, juntando-se aos professores da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), em greve desde a última segunda-feira (25). Além dessas, haverá paralisações no Instituto Técnico-Científico de Polícia e no Detran-RN.

Os técnico-administrativos da UFRN e da Ufersa decidiram aderir à greve nacional a partir de hoje (28). As categorias reivindicam, principalmente, o índice de 27,3% no piso da tabela de remuneração, considerando perdas de janeiro de 2011 a julho de 2016; o aprimoramento da Carreira com correção das distorções; o reposicionamento dos aposentados e concurso público.

Já os professores da UERN estão em greve desde o dia 25 e cobram o cumprimento do acordo feito com o Governo do Estado,  prevendo o realinhamento salarial de 12,035%, fundamental para a implementação do Plano de Cargos e Salários (PCS), além da definição de prazos para melhorias estruturais para a universidade.

No caso do Detran-RN, os  servidores param na sexta-feira (29), por duas horas - das 8h às 10h. Haverá ato, com concentração no Baldo, às 15h. O motivo é a retirada de direitos por meio do PL 4330 (Lei da terceirização) e das Medidas Provisórias 664 e 665. Os servidores cobram ainda a negociação da pauta da campanha salarial, entregue ao Governo no dia 11 de março. Por deliberação de assembleia no último dia 25, os servidores do Itep param nos dias 2 e 3 de junho, cobrando o envio à Assembleia do Estatuto do ITEP, pronto desde o final de 2013. 

http://tribunadonorte.com.br/noticia/servidores-da-ufrn-e-da-ufersa-param-a-partir-de-hoje/314915

Fonte: Tribuna do Norte

Compartilhar: