Pular para o menu
1515604984

Sindicato conclama petroleiros à jornada de lutas em defesa do Estado Democrático de Direito

10 de janeiro de 2018 às 14:23

destaque

Foto: Arquivo

O SINDIPETRO-RN participa do Comitê Norte-rio-grandense em Defesa da Democracia e do Estado Democrático de Direito. A decisão de se integrar ao Coletivo foi tomada pela Direção Executiva da entidade e deverá ser ratificada em reunião do Colegiado, prevista para acontecer na manhã desta sexta-feira, 12, em Natal.

O Comitê em Defesa da Democracia tem como batalha mais imediata e principal o julgamento em segunda instância a que o ex-presidente Lula será submetido, no dia 24 de janeiro, pelo Tribunal Regional de Federal da 4ª Região (TRF-4), sediado em Porto Alegre (RS).

Formado por dezenas de associações e entidades sindicais e populares, com amplo perfil democrático e progressista, o Comitê busca demonstrar o caráter de exceção desse julgamento que, em última instância, visa retirar Lula da disputa presidencial de 2018.

Violações e ataques

Para a Direção Executiva do SINDIPETRO-RN, assim como para vários juristas e estudiosos que vêm se manifestando sobre o assunto, Lula tem sido alvo frequente de ações que violam o devido processo legal, os direitos e garantias individuais e coletivas, e que desrespeitam abertamente o Estado Democrático de Direito.

Depois de um gigantesco esforço de investigação, não foram encontradas provas que incriminem o ex-presidente, e o que vai ficando claro é que a sua condenação é parte do golpe que as elites exploradoras desfecharam contra a Democracia e os direitos dos trabalhadores no Brasil.

Por sua própria experiência, a classe trabalhadora sabe que o desrespeito ao Estado Democrático de Direito é porta de entrada para a instauração de regimes de exceção em que a soberania popular é completamente ignorada e por isso é indispensável se mobilizar.

Para além da solidariedade ao ex-presidente Lula, é necessário que os petroleiros e petroleiras denunciem a farsa judicial-midiática em curso, organizando comitês populares em seus círculos de relacionamento para dar amplitude e volume à jornada de lutas em defesa da Democracia e do direito de Lula se candidatar.

Rio Grande do Norte

No Rio Grande do Norte, o Comitê em Defesa da Democracia e do Estado de Direito já possui uma extensa agenda definida. Em Natal, ela culmina no dia 23/01, com a realização de um júri simulado, na Praça Sete de Setembro (Cidade Alta), a partir das 19 horas. Já, em Mossoró, nesta mesma data, está programada a realização de uma vigília, em local ainda a ser definido. Para o dia 24/01, data do julgamento de Lula no TRF-4, estão programados atos públicos em frente às sedes da Justiça Federal, em diversos municípios.

Veja, a seguir, a agenda do Comitê Norte-rio-grandense em Defesa da Democracia, definida até a última terça-feira, 9. 

Dia

Hora

Atividade

10/01 (Quarta-feira)

9h00

Assembleia Regional do Alto Oeste da Fetarn (em Pau dos Ferros - na Casa da Cultura)

 

 

Reunião mulheres Pro-democracia (local - sede do SINTE-João Câmara)

 

10h00

Fundação do Comitê em Pau dos Ferros (Local - Câmara Municipal)

11/01 (Quinta-feira)

9h00

Assembleia do Polo do Médio Oeste da Fetarn, em Caraúbas

 

19h00

Lançamento do livro Um ano de Golpe (Alexandre Mota - no Acabou Chorare - Natal)

12/01 (Sexta-feira)

7h00

Panfletagem na feira de Bento Fernandes

 

9h00

Assembleia do Polo do Vale do Assu (sede do Sindicato Trab. Rurais)

 

10h00

Reunião formação do Comitê do Vale do Assu e Região Salineira

 

16h00

Formação do Comitê na Comunidade de Tapará (Macaíba)

 

19h00

Reunião Comitê de São Paulo do Potengi (sede do Sindicato Rural)

 

19h00

Bazar da Resistência (no Acabou Chorare)

13/01 (Sábado)

8h00

Panfletagem na Feira de São Tomé

 

8h00

Panfletagem na Feira de São Paulo do Potengi

 

8h00

Panfletagem da Feira de Ceará – Mirim

 

8h30

Fundação comitês no bairro Nossa Senhora da Apresentação (Zona Norte Natal)

 

8h30

Panfletagem Feira de João Câmara (com apresentação de mamulengos)

 

8h30

Panfletagem da feira de Macaíba

 

10h00

Fundação do Comitê da juventude em João Câmara

 

10h30

Fundação do Comitê no Conjunto dos Garis (Zona Norte Natal) 

 

11h30

Fundação do Comitê da Redinha (a confirmar)

 

14h00

Fundação do comitê Casa de Mídia (Nova Natal)

 

15h00

Fundação do Comitê das juventudes de Natal (local - Bar do Zé Reeira)

14/01 (Domingo)

8h00

Panfletagem na Feira de Taipu

 

9h00

Panfletagem da Feira de Nova Natal (Zona Norte Natal)

 

9h00

Reunião Assentamento Chico Santana

 

9h30

Reunião Comitê Taipu

15/01 (Segunda-feira)

9h00

Reunião de construção/mobilização pro comitê em defesa da democracia (FBP - Mossoró)

 

19h00

Fundação Comitê do Jardim Brasil (Zona Norte-Natal)

16/01 (Terça-feira)

19h00

Fundação do Comitê em Montanhas

17/01 (Quarta-feira)

18h30

Fundação do Comitê de Mãe Luiza

18/01 (Quinta-feira)

17h00

Fundação do Comitê das mulheres em São Gonçalo (confirmar horário)

 

19h00

Reunião acampamento Dom Tomaz Balduino (João Câmara)

19/01 (Sexta-feira)

19h00

Fundação do Comitê do Amarante (São Gonçalo)

20/01 (Sábado)

8h30

Feira do Amarante (São Gonçalo)

 

9h00

Fundação do Comitê do Conjunto Santa Catarina (Zona Norte Natal)

22/01 (Domingo)

18h00

Lançamento do Comitê em Mossoró 

 

9h00

Assembleia regional da FETARN em João Câmara (local - Casa de Cultura)

23/01 (Segunda-feira)

19h00

Júri Simulado do caso Lula (Natal – Cidade Alta)

 

19h00

Vigília pela Democracia (Mossoró)

24/01 (Terça-feira)

7h00

Acampamento MST em frente ao Fórum de J. Câmara

 

7h30

Acampamento em frente ao prédio da Justiça Federal em Ceará Mirim

 

7h30

Ato em frente ao prédio da Justiça Federal em Natal