Pular para o menu
1340658351
DIREITO DOS TRABALHADORES

Sindipetro-RN faz cobranças em reunião com Luiz Ferradans

Entidade denunciou assédio e perseguições que estariam sendo praticadas por gerentes e supervisores

25 de junho de 2012 às 18:05

destaque

Foto: Arquivo

Nos últimos dias, o Sindipetro-RN reuniu-se em duas oportunidades com o Gerente Geral da UO-RNCE, Luiz Ferradans. A última delas, no dia 25 de junho, para apresentar um levantamento de denúncias publicadas por esta entidade, em seus veículos de comunicação, cobrando providências imediatas acerca dos ataques aos direitos trabalhistas e perseguições à categoria. Na ocasião, os representantes sindicais deixaram claro que não irão tolerar agressões às relações de trabalho e, por isso, vêm tratando de perto essas questões em reuniões sequenciais com a Gerência Geral e com as Setoriais.

No documento entregue pelo Sindicato estão contidas denúncias de diversas práticas abusivas, caracterizadas como assédio, que estão sendo empregadas de forma recorrente por gerentes e supervisores nos últimos meses. É o caso, por exemplo, do problema da frequência dos trabalhadores do Sobreaviso, lotados no carregamento no Polo Guamaré, Para estes, conforme noticiado na edição nº 42 do Boletim Na Luta, o dia de embarque é lançado como “FOLGA”, enquanto que, para alguns supervisores que embarcam da mesma forma, é computado como “DIA TRABALHADO”.

Cobranças – Durante a reunião, o tema das relações de trabalho foi bastante enfocado, pois estas têm se caracterizado pelos métodos arbitrários de gerenciamento, comprometendo até mesmo a ambiência nas áreas. O Sindicato também questionou a falta de transparência da empresa e as dificuldades de comunicação com o conjunto dos trabalhadores. Nos próximos dias, diversas reuniões estão pautadas com Gerências Setoriais e do RH, quando a empresa responderá oficialmente às demandas apresentadas à Gerência Geral da UO/RNCE.

Compartilhar: