Pular para o menu
1454072235
ELFE

SINDIPETRO-RN realiza novas sindicalizações no Polo de Guamaré

Trabalhadores sindicalizados prestam de serviço e manutenção em plataformas marítimas

29 de janeiro de 2016 às 09:57

destaque

Foto: Deivson Mendes

Atendendo a um chamado dos trabalhadores da ELFE que atuam em plataformas marítimas, o SINDIPETRO-RN realizou novas sindicalizações na última quarta-feira (27), no Polo de Guamaré.  As fichas de sindicalização e as cartilhas contendo o Acordo Coletivo de Trabalho – 2015/2016 foram distribuídas durante o processo de embarque e desembarque da categoria. De acordo com depoimento dos novos sindicalizados, o contrato de serviços para embarcações teve início em setembro de 2015 e vai perdurar por três anos.

Segundo o Instrumentista, Erivan Martiniano, desde o início do contrato, a categoria já demonstrava interesse em sindicalizar-se. “Já conhecemos o trabalho do Sindicato e acreditamos no seu poder de atuação em defesa dos trabalhadores. Por isso, esse o nosso desejo de representação”. O mesmo sentimento é partilhado pelo também Instrumentista, Raneiel Costa Nolasco, “é muito importante ter representantes para nos ajudar em negociações da empresa com os trabalhadores”, falou ele.

De acordo com Pedro Idalino, as filiações fazem parte do Programa de Sindicalização promovido pelo SINDIPETRORN com trabalhadores do setor público e privado da categoria petroleira no RN. “As atividades serão concentradas durante todo o ano de 2016, e terão como foco principal, funcionários da Petrobrás e terceirizados. A ação busca melhorar o sistema de representação na categoria, aumentando assim, o canal de comunicação e fortificando a luta”, explica o diretor.

Na oportunidade, a diretoria também recolheu algumas denúncias e sugestões da categoria para a construção do Acordo Coletivo 2016/2017, que tem data base em 1º de abril. Para Pedro, “com as sugestões mencionadas pela categoria, teremos mais chance de tornar o Acordo ainda mais plural, apresentando melhorias para todos os regimes oferecidos pela empresa no Rio Grande do Norte”. Ele informou também algumas conquistas alcançadas em acordos passados, tais como, os dez dias para a licença paternidade e a folga para todas as mulheres no dia 8 de março (Dia Internacional da Mulher).

 

 

Compartilhar: