Pular para o menu
1308581487

Trabalhadores de Enchova utilizam Direito de Recusa e não embarcam

20 de junho de 2011 às 11:51

Nove trabalhadores que iriam embarcar na plataforma de PCE-1 utilizaram o Direito de Recusa, garantido no Acordo Coletivo e no anexo 2 da NR30,  por considerar que existiam condições inseguras para o trabalho. O passadiço que liga o flotel à plataforma foi retirado e os trabalhadores teriam que fazer o transbordo pela cesta.

Além desse problema, os petroleiros que se recusaram a embarcar sabiam que há cerca de 15 dias atrás, o moitão do guindaste, onde a cesta é presa, havia caído no mar.  O que poderia colocar a vida deles em risco.

Os trabalhadores estão hospedados em um hotel por conta da Petrobrás aguardando a melhora do tempo e que o passadiço seja colocado no lugar. O Sindipetro-NF apóia totalmente a atitude dos trabalhadores, que estão utilizando um direito conquistado pela categoria.

Fonte: FUP

Compartilhar: