Pular para o menu
1403121614
Alto/Canto do Amaro

Trabalhadores reivindicam o fim do regime administrativo no campo

É inaceitável que em áreas remotas continue a vigorar um regime pensado para áreas urbanas

18 de junho de 2014 às 17:00

destaque

Foto: SINDIPETRO-RN

Com o objetivo de retomar a luta pelo fim do regime administrativo no campo, o SINDIPETRO-RN promoveu nestas terça e quarta-feira, 17 e 18 de junho, reuniões informativas com os trabalhadores. A primeira delas foi realizada no Alto do Rodrigues e a segunda, no campo de produção de Canto do Amaro. A ideia é conscientizar os trabalhadores de que a única forma de conquistarmos essa reivindicação é com mobilização e luta!

A batalha pela extensão dos regimes existentes no Polo Industrial de Guamaré para outras áreas com características assemelhadas se arrasta desde 2010. É inaceitável que em áreas remotas continue a vigorar um regime pensado para áreas urbanas, com condições de transporte e acesso fácil a diversos serviços. O SINDIPETRO-RN reivindica a adoção do Turno Ininterrupto de Revezamento - TIR ou do Sobreaviso, onde couber, e a implantação do Regime Especial de Campo – REC, onde nenhuma das duas primeiras modalidades for compatível.

A expectativa é que haja um retorno por parte da Petrobrás em reunião agendada para o próximo dia 30 de junho com as gerências das principais unidades da Companhia e os respectivos RHs. A atividade é desdobramento dos encontros mantidos pelo Sindicato com a presidenta Graça Foster e com o gerente da UO-RNCE, Luís Ferradans, que aconteceram nos dias 4 e 11 de junho, respectivamente. 

BENEFÍCIO-FARMÁCIA - Durante assembleia no Canto do Amaro, também foi distribuída uma cartilha explicativa, elaborada pela FUP, com orientações sobre como usufruir do novo benefício-farmácia, uma conquista do último Acordo Coletivo de Trabalho da Petrobrás.  

Compartilhar: