Pular para o menu
1401991778
PIDV

Presidenta da Petrobrás responde à FUP sobre reposição de vagas

Contratações dos novos trabalhadores devem começar a partir de janeiro de 2015, garantiu Graça

05 de June de 2014 às 15:09

A  FUP reuniu-se no último dia 30 com a presidenta da Petrobrás, Maria das Graças Foster, para cobrar a reposição integral de todos os postos de trabalho que foram suprimidos pelo PIDV, que teve uma adesão de 12,4% dos efetivos próprios da companhia. Graça Foster informou que a empresa divulgará em breve um edital de concurso público, que será realizado dentro do prazo previsto pela legislação, já que estamos em ano eleitoral. Em função disso, a contratação dos novos trabalhadores só deverá começar a ser feita a partir de janeiro de 2015.

A FUP reiterou a necessidade de recomposição de 100% das vagas que ficarão em aberto com o desligamento dos trabalhadores que aderiram ao PIDV. A presidenta alegou que a responsabilidade sobre definição dos efetivos é das diretorias e gerências envolvidas, mas comprometeu-se a dialogar com o movimento sindical a cada etapa do processo de recomposição.

A FUP criticou a postura autoritária dos gestores da Petrobrás que, além de não avançarem nos estudos de efetivos previstos no Acordo Coletivo, ainda implementaram o PIDV de forma unilateral, sem qualquer negociação com os sindicatos. A saída dos 8.298 petroleiros que aderiram ao Planosobrecarregará ainda mais a categoria, que já sofre com um efetivo reduzido, que não acompanha, como deveria, o crescimento da empresa.

Há anos, a FUP luta por um quadro de efetivos próprios que de fato atenda às necessidades dos trabalhadores, tanto nas unidades operacionais, quanto nas administrativas. A reposição integral de 100% das vagas disponibilizadas pelo PIDV é o mínimo que a categoria espera dos gestores da Petrobrás.

Fonte: FUP

Compartilhar: